1 de maio de 2013

Um trato para evitar destrato.



Depois de muitos desacertos, fiz um trato. Falei com os olhos e mediei a conversa entre eles e o coração. Tudo que é combinado, não sai caro. Cansei de ter despesas desnecessárias. Se são eles que iluminam todo meu ser não posso deixá-los, se perder. Eles dizem que veem e preveem. Tem vida própria, me enchem de vazios. Me fazem quase, de repente, pela metade, atravessados... Quem te deu esse poder? Saber de tudo antes de acontecer?Eu não sei 
Mas, os olhos sugerem ver 
Um futuro desastroso pra gente.quando ligo a TV, quando me pregam o padecer, quando deito antes de agradecer quando me aborreço com você Coração sofre porque viu meu medosente meu desespero, chora sem querer. Chega.Vou estabelecer o trato abaixo está firmado agora, é assim que vai ser. 
Meus olhos não vão me mostrar nada! nada, que meu coração não queira sentir ou saber.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Créditos das Imagens

Todas as imagens ou conteúdos de terceiros que são utilizadas nas postagens deste blog, estão devidamente informadas do crédito ou da fonte de onde elas foram capturadas. Caso o autor queira que a imagem ou conteúdo seja retirado, basta entrar em contato no e-mail contato@diariodeumalagarta.

Direitos Autorais

Todo o conteúdo do Diário de uma Lagarta está protegido sob as leis de direitos autorais brasileiras. Portanto, é expressamente proibido a reprodução de qualquer conteúdo autoral em texto, imagem, áudio ou vídeo sem o consentimento da autora deste espaço. O mesmo equivale para o título do blog ou para qualquer elemento da atual identidade visual e gráfica. Caso haja uma violação de respeito ao direito autoral e intelectual, o autor desta infração sofrerá todas as medidas judiciais e extrajudiciais cabíveis, tendo como base a legislação brasileira vigente.

Cadastre-se